Squamata

Definição, características principais, exemplos, répteis, ordem, animais escamados, classificação científica, curiosidade, bibliografia

Dragão de Komodo: maior réptil da ordem Squamata
Dragão de Komodo: maior réptil da ordem Squamata


 

Definição

 

São animais que fazem parte da classe dos répteis (Reptilia) que apresentam como principal característica a presença de escamas no corpo. Fazem parte desta ordem os anfisbenas, serpentes e lacertílios.

 

Principais características:

 

- Presença de escamas no corpo.

 

- Troca, de tempos em tempos, da parte externa da epiderme.

 

- Presença de pálpebras móveis (exceto as serpentes).

 

- Grande parte dos animais escamados excreta ácido úrico.

 

- Presença de hemipênis nos machos.

 

Exemplos de animais da ordem Squamata:

 

- Cobra-cega

 

- Iguana

 

- Camaleão

 

- Lagarto

 

- Lagartixa

 

- Cobra-de-vidro

 

- Monstro-de-gila

 

- Dragão-de Komodo

 

- Serpentes (cobra-coral, jararacuçu, cobra-real, naja, cascavel, cobra-rateira, surucucu, cobra-do-mar, víbora-cornuda, entre outras).

 

Classificação científica:

Reino: Animalia

Filo: Chordata

Classe: Reptilia

Ordem: Squamata

 

Curiosidades

 

- O guizo das cascavéis é formado pelo acúmulo da parte externa da epiderme, que vai se acumulando na parte final da cauda. Pela quantidade de botões presentes no guizo do animal é possível saber por quantas mudas de pele ele já passou.

 

- A lagartixa e algumas espécies de lagartos e iguanas possuem um importante recurso para fugirem de seus predadores. Estes animais escamados, no momento de ataque do predador, soltam a parte da cauda (que fica em movimento durante certo tempo), atraindo assim a atenção do predador. Enquanto isso ocorre, a presa consegue fugir. Com o tempo, ocorre a regeneração da parte da cauda perdida.

 

- O único réptil lacertílio, pertencente a ordem Squamata, peçonhento (possuidor de veneno) é o monstro-de-gila.

 

- Com cerca de três metros de comprimento, o dragão de Komodo é o maior réptil escamado.