Eutrofização

O que é, resumo, ambiente eutrófico, como e por que ocorre na água, características do processo.

Água verde de um lago: eutrofização
Água verde de um lago: eutrofização


 

Introdução (o que é)


Gostamos de passear na borda de um lago. Com o tempo notamos um cheiro desagradável vindo dele. É que está ocorrendo ali um processo chamado eutrofização.


Um ambiente terrestre ou aquático que passa por isso está se tornando eutrófico. A palavra trophía pode ser traduzida do grego para o português como condição nutricional. No caso de um lago eutrófico, sua condição nutricional é: completa, acima do desejável.


O excesso de nutrientes não foi parar no lago sem razão. Lagos bem conservados são oligotróficos, ou seja, têm poucos nutrientes.



Características principais


Em qualquer ecossistema, se os nutrientes são disponibilizados em doses pequenas (o que ocorre naturalmente através da decomposição lenta da matéria), o tamanho das populações permanece estável.


Mas quando o aporte de nutriente é muito alto, as populações tendem a crescer. Os organismos produtores na cadeia alimentar que envolve o lago e seu entorno são: bactérias, algas e plantas como aguapés e gramíneas. Se são oferecidas milhões de partículas de nutrientes dissolvidas na água, a produção de matéria orgânica por esses organismos vai aumentar.


As populações aumentam rapidamente. Mais indivíduos nascem e mais indivíduos morrem. A carga de indivíduos mortos representa mais matéria orgânica na água. Portanto, um processo de eutrofização alimenta a si próprio.


Um lago eutrófico geralmente tem água turva, um indicativo de alta produtividade biológica. Ele também exala mal cheiro, que é produzido por um excedente de bactérias decompositoras. Elas se aproveitam do fato de haver muita matéria orgânica para degradar. Ao mesmo tempo, as atividades dessas bactérias diminuem o teor de oxigênio da água. Então, os peixes ficam sufocados e acabam morrendo.



A origem da eutrofização


As atividades humanas geram compostos químicos. Muitos desses são despejados nos lagos através do esgoto doméstico, por exemplo. Outras vezes, a água da chuva transporta porções de fertilizantes (fosfatos, nitratos) a partir de terrenos mais elevados para o interior do lago. Geralmente os campos de cultivo dos humanos estão nesses terrenos.



Curiosidade ecológica:


A pesquisa em ecologia permite que se consiga avaliar se um lago é menos ou mais vulnerável à eutrofização. Atualmente é possível desenvolver e aplicar organismos geneticamente modificados. Eles metabolizam alguns fertilizantes, fazendo com que eles passem a ser subprodutos inofensivos.

 

 

Última revisão: 11/10/2019
___________________________________

Por Elaine Barbosa de Souza
Graduanda em Ciências Biológicas pela Universidade Metodista de São Paulo.

Temas relacionados